terça-feira, 27 de janeiro de 2015

A LUTA: ONDE ESTÁ A SOMBRA?

Sempre me encanto com a capacidade que temos enquanto seres humanos, de nos adaptar e transformar tudo à nossa volta de acordo com a nossa perspectiva. Claro que toda mudança de pensamento e comportamento exige gasto de energia, perdas e reconstruções. Por alguma razão tememos muito ter que sair de nossa zona de conforto e o câncer sabe melhor do que qualquer outra coisa arrancar a gente de lá!


Sempre dizemos da dificuldade de conviver com a sombra. Para quem já viveu a experiência, a possibilidade remota de ter que enfrentar quimio e radio mais uma vez soa como filme de terror, ou algo do gênero, mas acaba que ainda não há outra opção.

Lidar com o medo é algo que exige de nós muitas vezes coragem e ignorância. Não é uma questão de otimismo ou pessimismo, mas saber que existe um inimigo tão burro e forte nos leva a temer mesmo. Eu digo que ele é burro, porque o câncer destrói o seu hospedeiro e no caso de falência ele morre junto... samos disso neh? Mas ele é voraz, então a luta é sempre amiúde.

Mas porque estamos falando tudo isso? rs... As acho que estou sendo empírica demais, tentando passar para as pessoas as experiências vividas... Já foram tantas passagens, tantos sustos, tantas perdas, tantos ganhos que hoje uso lentes para a enxergar a vida tão diferentes das que eu usava quando tudo começão, há cerca de sete anos atrás.

Ainda tenho que guardar o medo no bolso muitas vezes e enfrentar situações que acreditem, poucas pessoas enfrentariam, mas hoje parece que tanta coisa perdeu o sentido... Sempre acalmei o coração na perspectiva de que enquanto o bandido voltasse como recidiva estávamos à salvo e nem ousava pensar se aparecesse uma metástase como seria... até que a vida te dá a tarefa de casa.. e aí, você tem que fazer!

Já foram três grandes batalhas, que vocês tem acompanhado por aqui. Agora estamos na iminência de mais uma. E mais uma vez, estamos dentro do turbilhão tentando equilibrar emoções, razão e sentimento, para equacionar as perdas, os ganhos e nos preparar para o front. Sim, parece que o bandido está aí, batendo de novo na porta. 

Se estou com medo? Não sei... ainda não tirei ele do bolso. rs... 

Meu médico pediu para vasculharem o pulmão, em busca de alguma coisa que responda porque temos uma águinha lá... metástase? Ainda não sabemos, mas estamos atrás do bandido. O procedimento... Ahhhh... corta daqui, coloca caninhos, costura, dreno... anestesia... 

Mas tem carinho, amigos, amor, amizade e muita oração... Porque é Ele que nos rege e sustenta a todos... 

Desejo que semana que vem tenhamos boas notícias para contar! Mas se formos para uma quarta batalha, acreditem... teremos muito mais estórias e experiências para contar!


4 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Boa sorte para vc nesta nova etapa, se já enfrentou outras esta será mais uma.. Fique com Deus. Um grande abraco
    Vania

    ResponderExcluir
  3. Deus há de te abençoar!
    Você já recebeu reiki? Se quiser, me procure e terei imenso prazer em te ajudar.
    andreathomenetto@gmail.com

    ResponderExcluir